Transmissão ao Vivo da Estação Espacial Internacional (ISS)

Hoje pude acompanhar uma das coisas mais legais que se encontra disponível na internet.

Trata-se das transmissões ao vivo diretamente da Estação Espacial Internacional (ISS).
A NASA Live Stream of Earth é uma transmissão que acontece de tempos em tempos pela NASA, utilizando câmeras HDEV de alta definição.
A Estação Espacial Internacional – ISS – circunda a terra a 240 milhas acima do planeta, na borda do espaço na órbita terrestre baixa.
A estação é tripulada pelos astronautas da NASA, bem como pelos cosmonautas russos e uma mistura de astronautas japoneses, canadenses e europeus também.
A ISS passa para pelo lado escuro da Terra em órbitas que acontecem a cada 90 minutos.

À medida que a Estação Espacial passa para o período da noite, todos os 45 minutos de vídeo não estão disponíveis – durante este tempo e outras quebras na transmissão, filmagens gravadas são mostradas e quando ela retorna na volta da Terra do lado do dia a transmissão é reestabelecida.
Essa é uma grande oportunidade para ver qual é a visão que os astronautas tem da terra conforme visto na Nasa ISS transmissão ao vivo na Estação Espacial Internacional –
Uma visão real de astronauta da Terra!

Algumas datas importantes sobre esse assunto são:

29/04 é comemorado o Dia Internacional da Astronomia

28 e 29 de julho ocorrem os picos de chuvas de meteoros Delta Aquarid, durante a noite de sexta-feira (28 de
julho)

02/08 Os cosmonautas russos FyodorYurchikhin e Sergey Ryazansky fizeram uma caminhada espacial foram da Estação
Espacial

12 e 13 de agosto, a terra estará sob influência de uma chuva de meteoros que poderão ser vistos à olho nu, com
maior insidência a partir das 3 horas da madrugada de sábado para domingo. Como a Lua estará com 70% de
luminosidade, poderá interferir em algumas visualizações. Estima-se que poderão ser vistos de 40 a 100 meteoros
neste período.

21/08 Eclipse solar total – Em 21 de agosto de 2017, pessoas em todo os Estados Unidos verão o sol desaparecer
atrás da lua, transformando a luz do dia em Crepúsculo, causando a queda da temperatura rapidamente e revelando
flâmulas maciças de luz atravessando o Céu ao redor da silhueta da lua. Naquele dia, a América ficará sob o
caminho de um eclipse solar total.

Cortesia da Estação Espacial Internacional através da UStream live Feed da NASA através das câmeras ao vivo
HDEV.
www.nasa.gov

Seja o primeiro a comentar essa notícia

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*